Olivas de Gramado celebra resultado da colheita

Empreendedores registram crescimento de 25% em relação à safra de 2021.



O Olivas de Gramado celebra o resultado alcançado em sua segunda colheita de frutos. Dos 29 hectares de área plantada, com mais de 12.500 oliveiras de seus diferentes varietais, foram colhidos mais de 4 toneladas de azeitonas, em um processo 100% manual. Primeiro local da Serra Gaúcha a apostar no cultivo de Oliveiras para a produção de azeite extravirgem, o empreendimento ainda oferece aos visitantes experiências de turismo rural, se firmando como um dos principais atrativos de Gramado.

Com uma média de 5 a 7 anos de idade, as oliveiras de varietais como Arbequina, Koroneiki, Picual, Frantoio, Ascolana e Manzanilla surpreenderam os produtores. “Claro que a estiagem, e também a ocorrência de neve que tivemos em 2021, afetaram o ciclo. Ainda assim, atingimos um resultado muito bom de frutos. Tivemos crescimento de 25% em relação a safra de 2021”, comenta André Bertolucci, azeitólogo e sócio do Olivas de Gramado.


O processo manual exige também delicadeza. Após retirado da árvore, o fruto deve ser mantido em baixa temperatura e processado em menos de 24h, para a manutenção das características sensoriais e organolépticas. Em média, são necessários de 8 a 10 quilos de frutos para obter 1 litro de azeite, e “conseguimos processar aproximadamente 450 litros azeite extravirgem blend (combinação de mais de três tipos de azeitona) de campo multivarietal frutado médio maduro e intenso”, explica o azeitólogo.


A previsão é de que até o final de março o “Terroir Serrano - safra 2022” esteja disponível para comercialização na Boutique do Azeite, loja dentro do Parque Olivas de Gramado. E a expectativa sobre o azeite 2022 é grande, visto que o “Terroir Serrano - safra 2021” foi considerado um dos 500 melhores azeites do mundo pelo principal catálogo da área, o Flos Olei, de Milão (Itália). “Esperamos criar um Terroir Serrano 2022, ainda mais complexo, que possa participar de outros concursos internacionais tão importantes quanto o Flos Olei", finaliza André Bertolucci.










31 visualizações

Posts recentes

Ver tudo